Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...

Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...
Pretende-se que este blogue se materialize num importante contributo para o estudo das famílias do Alentejo, com especial incidência nas zonas de Borba, Estremoz, Vila Viçosa, Alandroal e Redondo.





“A genealogia não deverá tornar-se num processo dissimulado de busca obsessiva por gente nobilitada, socialmente distinta, mas antes como um veículo facilitador do conhecimento e apropriação do modo de vida daqueles que, independentemente do seu estatuto social e da sua condição económica, representaram o elo de uma corrente - a mesma que só tomou forma porque cada elo esteve em dado momento no seu lugar, com maior ou menor bravura, maior ou menor sofrimento e espírito de sacrifício, mais ou menos propósito, simplesmente teve a nobreza e o dom, que mais não fosse, da sua própria existência… e creiam que à medida que vou envelhecendo, vou proporcionalmente tomando maior consciência da importância e necessidade de “genealogia” e “humildade” caminharem sempre de mãos dadas…”

__________________________________________________________________________ O Autor





Falardo



FALARDO, de Redondo 


Os “Falardo” são antigos na vila de Redondo, pois deles temos notícia desde princípios do séc. XVI. Em 12.9.1565 foi preso pelo Tribunal do Santo Ofício de Évora, acusado de heresia, um tal Pedro Falardo, lavrador, casado e natural de Redondo, filho de João Peres (ou Pires) Falardo e de Joana Dias. O réu foi posto em liberdade em 19.02.1567 

“…era um homem muito rústico e ignorante e por esta razão foi dado como irresponsável”. 

Em 13.1.1591 faleceu, na Matriz de Redondo, Catarina Pires Falardo cujo registo de testamento se encontra no Arquivo Histórico da Santa Casa da Misericórdia de Redondo, e que poderia ser parente chegada de Diogo Falardo. No seu testamento refere que foi casada com Pedro Lourenço e irmã de Inês Falardo, Margarida Pires, Isabel Pires e Brites Falardo. Refere, ainda, duas sobrinhas de nome Joana Falardo e Catarina Falardo (filhas de sua irmã Inês) e outras três de que se ignora a filiação: Joana Gonçalves, Beatriz Rodrigues e Inês Rodrigues. 

Temos também notícia de uns “Falardo” que viveram em Borba pelos finais do séc. XVI, cujo parentesco com os de Redondo nos é ainda desconhecido. 

(O Autor)
___________

(A seguinte resenha genealógica é da autoria do genealogista LUÍS JAIME RODRIGUES MARTINS, a quem se agradece o excelente contributo)


Falardo I
Redondo

§ 1

1. Domingos Falardo que se casou 3 vezes (1) a 1ª com Inês da Rosa, a 2ª com Maria Luís e a 3ª com Margarida Jorge. Teve os seguintes filhos;

2.I) Guiomar Delgada (filha de Inês da Rosa) que se segue;

2.II) Manuel Falardo (filho de Maria Luís) (2) que casou 3 vezes, a 1ª na Igreja Matriz do Redondo a 23-4-1589 com Rufina Martins, a 2ª  na mesma Igreja  a 7-1-1607 com Catarina Palmeira filha de Manuel............ e de Madalena Palmeira, casa a 3ª vez na mesma Igreja a 7-11-1610 com maria Jorge filha de Diogo Jorge e de Madalena Pires.  Segue neste ttº no § 2

2.III) Isabel Falarda (filha de Maria Luís) que casou na igreja Matriz do Redondo a 6-7-1608 com Sebastião Martins filha de João Martins e de Catarina Braz.

2.IV)  Manuel Falardo (filho de Margarida Jorge) que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 7-7-1591 com Catarina Paes filha de António Vicente e de Inês Paes.

2.V) Francisca Falardo (filha de Margarida Jorge) que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 27-1-1591 com Nuno Martins filho de Nuno Martins e de Catarina Calada.

2. Guiomar Delgada (filha de Inês da Rosa) que se casou 2 vezes (3) , a 1ª com Luís Falardo, e a 2ª  na Caridade/Reguengos de Monsaraz a 16-5-1589 com João Dias Mendes filho de Fernão Dias e de Isabel Pires. Teve os seguintes filhos do 1º e do 2º casamento;

3.I) Luísa Delgado (filha de Luís Falardo) que se segue;

3.II) Domingos Falardo (filha de João Dias Mendes) que se casou em Santa Maria da Lagoa- Monsaraz a 9-4-1617 com Sebastiana Prestes filha de António Roiz e de Antónia Prestes.

3.  Luísa Delgado (filha de Luís Falardo)  que se casa 2 vezes a primeira  com António Dias e a segunda na Igreja Matriz do Redondo a 26-5-1602 com Manuel Jorge filho de Jorge Roiz e de Maria Fernandes. Luísa Delgado faleceu a + 23-12-1605. teve do primeiro casamento;

4.I) Inês Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 24-6-1599 com Francisco Mendes Toscano filho de Fernão Toscano e de Cecília Braz

4.II) Luís Falardo que se casou no Redondo a 3-10-1603 com Maria Freire filha de Sebastião Martins e de Joana Freire

4.III) Manuel Falardo que se segue;

4. Manuel Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 8-8-1610 com Catarina Roiz filha de Manuel Roiz e de Catarina Gomes. Catarina faleceu no Redondo a + 30-7-1647. Tiveram os seguintes filhos;

5.I)  Manuel, baptizado na Igreja Matriz do Redondo a 4-6-1611

5.II) António, baptizado na Igreja Matriz do Redondo a 3-1-1619

5.III) As gémeas Sebastiana e Marta, baptizadas na Igreja Matriz do Redondo a 25-1-1628

5.IV Luísa Delgado (4)  que se segue;

5. Luísa Delgado que se casou na igreja Matriz do Redondo a 23-6-1641 com Manuel Fernandes já viúvo e filho de Tomé Fernandes e de Maria da Silva.


§ 2

2. Manuel Falardo (filho de Maria Luís) (3) que casou 3 vezes, a 1ª na Igreja Matriz do Redondo a 23-4-1589 com Rufina Martins, a 2ª  na mesma Igreja  a     7- 1-1607 com Catarina Palmeira filha de Manuel................ e de Madalena Palmeira, casa a 3ª vez na mesma Igreja a 7-11-1610 com Maria Jorge filha de Diogo Jorge e de Madalena Pires. Teve o seguinte filho de Maria Jorge;

3. Margarida Luís que se casou na Igreja Matriz do redondo a 30-7-1640 com Manuel Alvares filho de Manuel Alvares e de Brites Alvares


Notas
(1) Considerando que se trata do mesmo individuo
(2) O mesmo referido na nota a anterior
(3) O mesmo referido nas notas anteriores
(4) No registo de casamento de Luísa Delgado o nome da mãe aparece Catarina Maria
____________


Falardo II
Redondo

§ 1

1. André Falardo que nasceu antes de 1550 e casou com Isabel Pires, tiveram;

2. Bento Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 14-1-1590 com Maria Roiz filha de Gaspar Roiz e de Domingas Fernandes, testemunharam Jorge da Silva e o Padre Mateus Falardo, tiveram;

3. Mateus Falardo que se casa na Igreja Matriz do Redondo a 23-9-1612 com Maria Jorge filha de Manuel Jorge e de Maria Falardo, e pode ser seguido no ttº Falardo III. Tiveram os seguintes filhos;

4.I) Matias Falardo que se segue;

4.II) Bento Falardo, baptizado a 25-2-1618, foi padrinho Pedro Anes e madrinha Maria Dias. Bento foi candidato as Ordens Menores em 1643.

4. Matias Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 5-8-1646 com Maria Roiz filha de António Roiz e de Brites Mendes, testemunharam Sebastião Falardo e Leonor Marques.
____________


Falardo III
Redondo

 § 1

 1.Diogo Falardo que terá nascido antes de 1553 e se casou 2 vezes (1) , a 1ª com ........ e a 2ª com Eugénia Maria, teve os seguintes filhos;

2.I) Maria Falarda (filha de .....) que se segue;

2.II) Catarina Pires que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 13-2-1594 com Sebastião Vaz filho de André Vaz e de Catarina ....... , e que segue neste ttº no § 2

2. Maria Falarda que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 13-11-1588 com Manuel Jorge Filho de outro Manuel Jorge e de Catarina Mendes. Tiveram os seguintes filhos;

3.I) Francisco Falardo que se segue;

3.II) Maria Jorge que se casou no redondo a 23-9-1612 com Mateus Falardo filho de Bento Falardo e de Maria Roiz, que se pode seguir no ttº Falardo II.

3.III) Mateus Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 18-4-1627 com Maria Gonçalves filha de Amaro Gonçalves e de Catarina Fernandes.

3. Francisco Falado que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 12-1-1625 com Maria Mendes filha de Estêvão Fernandes e de Isabel Braz. Tiveram;

4. Isabel Mendes que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 31-1-1660 com Francisco Frade filho de Simão Roiz e de Ana Fradessa.

§ 2

2. Catarina Pires que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 13-2-1594 com Sebastião Vaz filho de André Vaz e de Catarina ....... , tiveram os seguintes filhos;

3.I) Maria Vaz Carreira que se segue;

3.II) Diogo Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 22-2-1630 com Ana Roiz filha de Francisco Correia e de Isabel Roiz. Testemunharam  Manuel Cardoso Caldeira e Maria Fernandes.

 3. Maria Vaz Carreira que se casou com António Pereira filho de Manuel Dias e de Joana Marques, tiveram;

 4. Sebastião Vaz que se casou com Ana Gomes filha de António Mendes Lobato e de Ana Gomes

Notas
(1) Casou 2 vezes considerando que se trata do mesmo indivíduo
____________


Falardo IV
Redondo

§ 1

1. Catarina Falarda que terá nascido antes de 1574 e se casou com Rafael Vilar, tiveram;

 2.I) Manuel Falardo que se casou na Igreja Matriz do Redondo a 29-2-1604 com Brites da Rosa filha de Braz Domingues e de Madalena Fernandes

2.II) Inês Falarda que se casa no redondo a 15-2-1604 com Sebastião Rodrigues já viúvo de Inês Lopes e filho de Gaspar Lopes

2.III) Brites Falarda que se casou no Redondo a 10-8-1616 com Filipe Martins filho de Pedro Martins e de Catarina Fortes. Brites  faleceu a +9-11-1658.

2.IV) Margarida Vilar que se casou a 8-1-1626 com João Nunes filho de  Domingos Antunes e de Maria de São Martinho
____________


Falardo V
Redondo

 § 1

1. Guiomar Falarda que nasceu antes de 1555 e se casou com Manuel Filipe, Guiomar faleceu a 8-7-1604. Tiveram:

2. Manuel Falardo, Procurador (1), casou na Igreja Matriz do Redondo a 14-1-1590 com Guenera Lourenço filha de Cristóvão Lourenço e de Helena Martins, testemunham Jorge da Silva, Padre António Gonçalves e Brites Palmeira. Tiveram:

3. Sebastião Falardo que casou no Redondo a 30-4-1617 com Maria Pires filha de António Pires e de Isabel Gonçalves

Notas
(1) Segundo o óbito de Guiomar Falarda de 8-7-1604- Redondo 

____________ 

Sem comentários:

Enviar um comentário