Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...

Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...
Pretende-se que este blogue se materialize num importante contributo para o estudo das famílias do Alentejo, com especial incidência nas zonas de Borba, Estremoz, Vila Viçosa, Alandroal e Redondo.





“A genealogia não deverá tornar-se num processo dissimulado de busca obsessiva por gente nobilitada, socialmente distinta, mas antes como um veículo facilitador do conhecimento e apropriação do modo de vida daqueles que, independentemente do seu estatuto social e da sua condição económica, representaram o elo de uma corrente - a mesma que só tomou forma porque cada elo esteve em dado momento no seu lugar, com maior ou menor bravura, maior ou menor sofrimento e espírito de sacrifício, mais ou menos propósito, simplesmente teve a nobreza e o dom, que mais não fosse, da sua própria existência… e creiam que à medida que vou envelhecendo, vou proporcionalmente tomando maior consciência da importância e necessidade de “genealogia” e “humildade” caminharem sempre de mãos dadas…”

__________________________________________________________________________ O Autor





Cortes

Primeira Geração

      1. António Cortes.
António casou com Sebastiana Madeira.

Tiveram os seguintes filhos:

+          2 M        i.  António Cortes.


Segunda Geração

      2. António Cortes (António Cortes).
António casou com (cas.1) Maria Rodrigues em 1667 em S. Bento Cortiço - Estremoz.

António também casou com (cas.2) Margarida Gomes em 1688 em S. Bento Cortiço - Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+          3 M        i.  António Cortes.


Terceira Geração

      3. António Cortes (António Cortes, António Cortes).
António casou com Antónia da Trindade em 1689 em Canal - Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+          4 M        i.  Manuel Cortes.


Quarta Geração

      4. Manuel Cortes (António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Manuel casou com Domingas Marques em 1714 em Canal - Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+          5 M        i.  António Cortes.


Quinta Geração

      5. António Cortes (Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Casou com (cas.1) Maria Alves em 1714 em Canal - Estremoz.


António Cortes casou com (cas.2) Isabel Nunes em 1717 em Canal - Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+          6 M        i.  João Nunes Cortes.


Sexta Geração

      6. João Nunes Cortes (António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Casou com Margarida da Vinha.

Tiveram o seguinte filho:

+          7 M        i.  Francisco Nunes Cortes.


Sétima Geração

      7. Francisco Nunes Cortes (João Nunes Cortes, António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Francisco casou com Isabel Maria Bernarda Ferreira em 1778 em Rio de Moinhos - Borba.

Tiveram os seguintes filhos:
               8 F         i.  Bernarda Maria Cortes.
Bernarda casou com Tomé Francisco em 1797 em Rio de Moinhos - Borba.

+          9 M       ii.  Manuel Francisco Cortes.


Oitava Geração

      9. Manuel Francisco Cortes (Francisco Nunes Cortes, João Nunes Cortes, António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Manuel F. Cortes casou com (cas.1) Francisca Bernarda Teles em 1798 em S. Lourenço Mamporcão - Estremoz.

Manuel F. Cortes casou com (cas.2) Teresa Angélica Teles em 1814 em S. Lourenço Mamporcão.

Tiveram os seguintes filhos:
             10 M        i.  António Gil Cortes.
António casou com (cas.1) Francisca Teresa em 1829 em Arcos - Estremoz.
António também casou com (cas.2) Maria da Lapa em 1840 em Matriz Borba.
             11 M       ii.  Francisco João Cortes.
Francisco casou com Joaquina Rosa em 1824 em Arcos - Estremoz.
             12 M      iii.  José Maria Cortes.

José Maria Cortes casou com (cas.1) D. Catarina Maria do Socorro em 1832 em S. Bento de Ana Loura - Estremoz.
José também casou com (cas.2) Francisca Paula em 1842 em S. Bento de Ana Loura – Estremoz.
             13 M      iv.  Manuel Pedro Cortes.
Manuel casou com Catarina de Jesus em 1865 em S. Bento Cortiço -Estremoz.

+        14 M       v.  Joaquim José Cortes.
             15 M      vi.  João Maria Cortes.
Casou com Antónia das Candeias de Matos em 1857 em Santo Amaro -Sousel.
             16 M     vii.  José Bernardo Cortes.
Casou com (cas.1) Antónia Rita em 1846 em S. Bento de Ana Loura – Estremoz. José Bernardo Cortes casou com (cas.2) Maria Inácia em 1851 em S. Bento de Ana Loura - Estremoz.
Casou ainda com (cas.3) Maria J.P.R. Almeida em 1863 em S. Bento de Ana Loura - Estremoz


Nona Geração

    14. Joaquim José Cortes (Manuel Francisco Cortes, Francisco Nunes Cortes, João Nunes Cortes, António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Joaquim casou com Ana Rosa em 1825 em Arcos Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+        17 M        i.  Joaquim José Cortes.


Décima Geração

    17. Joaquim José Cortes (Joaquim José Cortes, Manuel Francisco Cortes, Francisco Nunes Cortes, João Nunes Cortes, António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
Joaquim casou com Francisca do Rosário em 1876 em S. Bento do Cortiço - Estremoz.

Tiveram os seguintes filhos:

+        18 M        i.  João António Cortes Júnior.


Décima-primeira Geração

    18. João António Cortes Júnior (Joaquim José Cortes, Joaquim José Cortes, Manuel Francisco Cortes, Francisco Nunes Cortes, João Nunes Cortes, António Cortes, Manuel Cortes, António Cortes, António Cortes, António Cortes).
João casou com Ana Rita Proença em 1905 em Matriz Borba.


João e Ana tiveram os seguintes filhos:

+        19 M        i.  Manuel Joaquim Proença Cortes.


2 comentários:

  1. Descobri mais este casamento...

    12 M iii. José Maria Cortes.
    Casou pela terceira vez em 1871 com Leonor da Conceição Cunha Oliveira.

    ResponderEliminar
  2. Muito obrigado pelo seu contributo.

    Cumprimentos,
    Alengenea

    ResponderEliminar