Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...

Estudar as nossas raízes faz parte de um processo de autoconhecimento...
Pretende-se que este blogue se materialize num importante contributo para o estudo das famílias do Alentejo, com especial incidência nas zonas de Borba, Estremoz, Vila Viçosa, Alandroal e Redondo.





“A genealogia não deverá tornar-se num processo dissimulado de busca obsessiva por gente nobilitada, socialmente distinta, mas antes como um veículo facilitador do conhecimento e apropriação do modo de vida daqueles que, independentemente do seu estatuto social e da sua condição económica, representaram o elo de uma corrente - a mesma que só tomou forma porque cada elo esteve em dado momento no seu lugar, com maior ou menor bravura, maior ou menor sofrimento e espírito de sacrifício, mais ou menos propósito, simplesmente teve a nobreza e o dom, que mais não fosse, da sua própria existência… e creiam que à medida que vou envelhecendo, vou proporcionalmente tomando maior consciência da importância e necessidade de “genealogia” e “humildade” caminharem sempre de mãos dadas…”

__________________________________________________________________________ O Autor





Toucinho

(A presente resenha genealógica é da autoria do genealogista Luís Jaime Rodrigues Martins, a quem se agradece o excelente contributo)
____________



Toucinho
Estremoz


Primeira Geração

1. Domingos Martins Toucinho que terá nascido anteriormente a 1680 e casou com Teresa Maria.
Tiveram os seguintes filhos:

+   2.M    i. António, baptizado na Igreja de Santo André de Estremoz a 20-1-1701, foi padrinho o Tenente de Cavalos António José Viegas  Correia.

+   3.F     ii. Maria, baptizada, baptizada na Igreja de Santo André de Estremoz a 30-11-1703, foi padrinho o Cap.º Domingos Cordeiro rendeiro da Comenda

+   4.F     iii. Isabel, baptizada na Igreja de Santo André de Estremoz a 8-7-1706, foi padrinho Bartolomeu Murteira Pinto e madrinha Sebastiana Martins.

+   5.F     iv. Maria, baptizada na Igreja de Santo André de Estremoz a 4-11-1708, foi padrinho o Conde de Unhão e madrinha Maria Rodrigues.

+   6.F     v. Tomásia, baptizada na Igreja de Santo André de Estremoz a 15-9-1710, foram padrinhos Tomé de Vilanova e António Pais de Sande.

+   7.M    vi. João, baptizado na Igreja de Santo André de Estremoz a 16-6-1713, foi padrinho por Procuração Miguel de Mascarenhas e madrinha Maria Henriques.

+   8.M    vii. Manuel Martins que se segue;

 
Segunda Geração

8. Manuel Martins Toucinho, baptizado na Igreja de Santo André /Estremoz a 24-2-1716, foi padrinho Pedro Pereira de Barros e madrinha Francisca Maria. Casou em Campo Maior a 13-2-1741 com Maria da Gama Durão natural de Campo Maior filha de João de Deus Durão e de Maria dos Santos, testemunharam Diogo da Cunha Sottomayor e Martinho Pessanha da Guerra.

(Pode ser seguido no ttº Mexias e no ttº Gamas)

Tiveram os seguintes filhos:

+    9.M       i. Manuel Martins, soldado que faleceu a 29-7-1765.

+  10.M       ii. Domingos Martins Toucinho que se segue


Terceira Geração

10. Domingos Martins Toucinho, baptizado na Se de Évora a 13-7-1756, foi seu padrinho António da Silva Laboreiro. Casou a 1ª vez com Maria de Cáceres (casamento não localizado), casou na mesma Igreja a 25-8-1779 com Maria dos Anjos filha de António Rodrigues natural de Monte Trigo e de Isabel Maria natural de Campo Maior, testemunharam Domingos Martins Claro e Francisco António Rego de Albuquerque e Castro. Maria dos Anjos faleceu a +12-5-1819 e foi sepultada em São Francisco, Domingos faleceu a 25-6-1834 já contava perto de 80 anos e foi sepultado na Se de Évora.

Teve as seguintes filhas do 2ª casamento:

+   11.F       i. Gertrudes Magna Benedita que se segue;

+   12.F       ii. Angélica, baptizada na Se a 29-8-1793


Quarta Geração

11. Gertrudes Magna Benedita, baptizada na Se de Évora a 6-12-1790, foi padrinho José Piteira Vidigal e Margarida Joaquina Pais Perdigão, casou na mesma Igreja a 17-9-1810, com José dos Santos natural de Santa Comba / Ceia e filho de José dos Santos e de Maria Fernandes, testemunharam o Reverendos Padres, Manuel Alves Varela e Luís Pereira Pato. Gertrudes faleceu a 13-3-1819 e foi sepultada em São Francisco. José volta a casar na Se a 13-3-1820 com Mariana Benedita filha de José da Costa e de Vitória Teresa.
Teve os seguintes filhos:

+   13.M      i. António, baptizado na Se de Évora a 19-3-1812, foi padrinho António José Rolim, Mestre Ferreiro e madrinha por procuração Angélica Joaquina.

+   14.F       ii. Angélica Joaquina que se segue;

+   15.M      iii. José, baptizado na Se de Évora a 11-2-1816, foram padrinhos José de Mira Mendes e José Jacinto de Sequeira, Ourives.

+   16.M      iv. Francisco, baptizado na Se de Évora a 4-10-1818, foi padrinho Luís dos Santos e madrinha Antónia do Nascimento


Quinta Geração
 

14. Angélica Joaquina,  baptizada na Se de Évora a 23-11-1813, foi padrinho Joaquim José de Miranda, Oficial de Cirurgia. Casou na Igreja de Santo Antão a 18-2-1835 com José António natural da Abrunhosa / Viseu filho de Bernardo Lopes e de Assunção Maria.


___________

Sem comentários:

Enviar um comentário